Ir para o conteúdo [1]

Unilever – O painel dashboard mapeia os desafios e as oportunidades para garantir equidade de gênero na empresa.

A criação do painel com indicadores de gênero possibilitou a compreensão do ciclo da carreira de homens e mulheres na Unilever. A partir da identificação do problema, definem-se as estratégias, implementando práticas que avancem na equidade de gênero sustentável na empresa.

Compartilhe:
Associe-se e tenha acesso ao case completo

Princípio 1: A liderança promove igualdade de gênero
Estabelecer uma liderança corporativa de alto nível para a igualdade de gênero

Princípio 2: Tratar todos os homens e mulheres de forma justa e sem discriminação no trabalho.
Promover um ambiente não discriminatório, onde homens e mulheres desfrutem de oportunidades iguais de desenvolvimento profissional.

Descrição da prática

Na Unilever, medir a situação atual de igualdade de gênero foi um passo decisivo para o reconhecimento dos desníveis de oportunidades e suas causas. Como consequência, identificaram-se os gaps e viabilizou-se a compreensão dos sistemas em que ocorre o problema: atração, retenção, promoção ou desenvolvimento de profissionais.
A criação de um dashboard, em 2015, com dados relacionados a gênero da Unilever Brasil, tendo inúmeros indicadores e histórico comparativo dos últimos 3 anos, forneceu uma fotografia de como os profissionais estão distribuídos na empresa e possibilitou a identificação de maneira clara sobre a evolução dos profissionais e os pontos a serem trabalhados para que o avanço na equidade seja mais efetivo.
O principal resultado dessa prática foi poder quantificar os problemas, quebrar alguns paradigmas e desenhar estratégias de superação.

Unilever

Setor: Indústria de bens de consumo, fabricante de produtos de higiene pessoal e limpeza, alimentos e sorvetes.
Porte: 13 mil funcionários no Brasil