Ir para o conteúdo [1]

Empresas associadas do MM360 discutem melhores práticas em tempos de crise

Compartilhe:
Live entre o MM360 e empresas associadas
A pandemia mudou o estilo de vida, a rotina e trouxe inúmeras incertezas às pessoas. Saiba como ajudar seus colaboradores a atravessar esse momento difícil, da melhor maneira

As últimas semanas foram tomadas por notícias sobre o coronavírus. A pandemia impactou a vida de todos, trouxe medo, insegurança e forçou a mudança de hábitos. A quarentena obrigou milhares de profissionais a transformar sua casa em local de trabalho e, para os que não têm alternativa a não ser ir até o trabalho, a rotina também não é mais a mesma. 

Tudo isso gera conflitos emocionais que impactam o engajamento, a motivação e o bem-estar dos colaboradores e, pensando nisso, o Movimento Mulher 360 e as empresas associadas reuniram-se, na última segunda-feira (30 de março), para uma live com o objetivo de discutir ações que amenizem os problemas causados por toda essa situação. 

A partir desse encontro virtual, foi construído um guia, organizado em três pilares: Trabalho e Vida Profissional; Conforto e Segurança da Família e Desenvolvimento Pessoal e Emocional. Essa divisão se dá aos pilares que equilibram a vida das pessoas e que, nesse momento, todos encontram-se desestabilizados. 

O momento é de transformação e pede união e empatia na travessia desse período conturbado e tirar lições valiosas para evoluirmos de forma sustentável, igualitária e justa. 

Confira algumas sugestões que podem ajudar a iluminar os caminhos a partir dos três pilares:

Trabalho e Vida Profissional

No âmbito do trabalho, o medo gira em torno da dúvida: “até quando terei meu emprego?”. Portanto, é importante manter uma comunicação clara com todos os colaboradores. A linha de diálogo entre as lideranças e seus times deve ser reforçada para que todos estejam a par dos acontecimentos dentro das organizações. 

Para os times que não pode realizar seu trabalho em home office, é necessário mudar os processos para garantir a higienização e proteção contra o vírus, além de treinamentos para ensiná-los a agir nas mais diversas circunstâncias que se criam em meio à pandemia. 

Os CEOs têm papel importante para transmitir segurança a todos os colaboradores, por isso é importante que eles falem com todos sempre que possível, por meio de comunicados, vídeos e reuniões. 

Conforto e Segurança da Família

As empresas devem assumir o compromisso de cuidar de seus colaboradores nesse momento, mais do que nunca. Considerando aqueles que estão em casa, cuidando das tarefas do lar, dos filhos e fazendo seu trabalho, como contribuir para ajudar essas pessoas que lidarem melhor com as situações e conseguirem organizar seu tempo para lidar com tudo? 

Muitas empresas estão disponibilizando atendimento online de médicos para toda a família. Workshops diversos para entreter e aliviar a tensão de todas as obrigações. Workshops para ensinar a organizar a vida financeira e jurídica, entre outros. 

Também é importante ter canais de atendimento às mulheres que estão em casa. Com o confinamento, o risco de violência doméstica é muito maior e é necessário estar ao lado dessas mulheres, mesmo que longe, por meio de canais de apoio e comunicação que as ajude a perceber situações de risco. 

Desenvolvimento Pessoal e Emocional

Durante a quarentena, a saúde mental e emocional é a mais fragilizada. Os acontecimentos, a quantidade de notícias e as preocupações geram ansiedade, medo, deixam as pessoas mais vulneráveis. Por isso, é necessário humanizar as relações de trabalho, unir mais os colaboradores e estimular que todos falem sobre seus sentimentos e compartilhem seus medos e inseguranças. 

A palavra-chave nesse pilar é OUVIR. O desabafo ajuda a lidar melhor com as questões internas, colocar pra fora abre oportunidade e outras pessoas ao redor ajudarem. Mais uma vez: este é um momento em que a união e a empatia são extremamente importantes. Cuidar do outro é cuidar também de si. E cuidar dos colaboradores é uma ação que vai ajudar a acelerar a retomada das rotinas normais com maior agilidade. 

É possível cuidar de todos, mesmo que a distância, oferecendo consultas com médicos especialistas em saúde emocional, terapias alternativas, aulas de yoga, workshops sobre saúde mental e estratégias que ajudem a tirar o foco da pandemia e fazer com que as pessoas enxerguem o que elas podem fazer nesse momento para ficarem bem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *